O edifício “The Shard” de Renzo Piano

O Edifício "The Shard" e os baixos da  Southwark Bridge

O Edifício “The Shard” e os baixos da Southwark Bridge

O edifício “The Shard” em Londres é o mais alto da Europa e foi projetado pelo arquiteto Renzo Piano. Localizado em Southwark, ele pretende ser o vetor de uma transformação urbana radical no bairro. Ele é fruto de uma política de adensamento das região central de Londres, em especial junto aos principais nós de transporte público. Quase metade das emissões geradas pela energia consumida pelo edifício será reduzida pelos painéis fotovoltaicos de sua fachada. Apesar dos seus 110 mil metros quadrados o edifício possui apenas 48 vagas de estacionamento. Os 12 mil usuários diários deverão alcançá-lo através do sistema público de transporte.

Implantação do  edifíocio the shard em Londres

O edifício está conectado a estação London Bridge que serve as linhas Jubilee e Northern do Metrô e o sistema de trens britânico. Além disto foi construído um novo terminal de ônibus em frente ao prédio e próximo ao acesso da estação de trens. Segundo Piano o prédio é uma “cidade vertical”. Em entrevista ao programa HARDtalk da BBC o autor alega que o prédio receberá diariamente milhares de pessoas. O prédio foi duramente criticado por ser um símbolo dos “ricos e poderosos”. Após um no de sua inauguração a maior partes dos escritórios ainda está vazia. O hotel e principalmente o mirante no topo do prédio e os restaurantes são responsáveis pela maior parte dos visitantes.

O edifício busca se transformar em mais uma mega atração turística de Londres. O Shard é o mais novo ícone da capital do entretenimento na Europa.  Os investidores, boa parte vinda do Catar, esperam encontrar turistas dispostos a pagar £25 para ver Londres desde o topo da “cidade vertical’ de Piano. Cabe perguntar qual cidade cobra £25 para ser visitada?

Sobre Marcos O. Costa

Arquiteto Urbanista formado pela FAU Mackenzie com mestrado em estruturas ambientais urbanas pela FAUUSP. Associado à Borelli & Merigo, onde desenvolve projetos nas áreas de edificações e urbanismo. É professor da FAAP e da Escola São Paulo. A publicidade exposta neste Blog é de responsabilidade da Wordpress
Esse post foi publicado em Formação da Cidade Contemporânea e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s