O Sprawl está matando o sonho americano?

Esta pergunta é feita por Paul Krugman ao comentar o estudo de economistas de Harvard e Berkeley para o projeto The Equality of Opportunity Project. A página do programa deve ser consulta obrigatória para todos os interessados nas cidades e nos EUA contemporâneos.  No estudo há indícios de que as cidades espraiadas (SPRAWL) produzem efeitos negativos na mobilidade social. O SPRAWL afasta as oportunidades de trabalho dos moradores mais pobres, cujos bairros ficam distantes das áreas mais ricas e cheias de empregos das cidades. Este fenômeno também pode ser observado nas principais cidades brasileiras e em especial em São Paulo.

Leia o texto (em inglês) de Paul Krugman publicado no NYT aqui

Anúncios

Sobre Marcos O. Costa

Arquiteto Urbanista formado pela FAU Mackenzie com mestrado em estruturas ambientais urbanas pela FAUUSP. Associado à Borelli & Merigo, onde desenvolve projetos nas áreas de edificações e urbanismo. É professor da FAAP e da Escola São Paulo. A publicidade exposta neste Blog é de responsabilidade da Wordpress
Esse post foi publicado em Urbanismo e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s