Emissões de CO2 crescem 4% nos EUA

Inhabitat

por Jessica Dailey

tradução: Marcos O. Costa

Apesar de todos os esforços em curso para aumentar o uso de fontes de energia renováveis e reduzir a pegada de carbono, as emissões de dióxido de carbono nos Estados Unidos subiram 3,9% no ano passado. O PIB do país cresceu 3 por cento, empurrando para cima as emissões de CO2. Infelizmente, em vez de este aumento na atividade estar lastreado em fontes de energia limpas como a eólica e a solar, ele foi calcado no aumento de 6% do consumo de carvão. Isto pode não parecer muito, mas a verdade é que este foi o maior aumento de emissões de CO2 relacionadas com a produção de energia desde 1988, nos EUA.

“O aumento nas emissões de 3,9 por cento em 2010 foi impulsionado principalmente pela recuperação da crise econômica experimentada em 2008 e 2009. Se retirarmos este período, podemos projetar um crescimento significativamente mais lento das emissões na próxima década, com média de 0,2% ao ano “, disse o mais alto executivo do EIA,  Howard Gruenspecht, em um comunicado de imprensa.

As emissões ainda estão abaixo dos níveis de 2005, mas em média, eles têm subido 0,6% a cada ano desde 1990. O aumento de 6 por cento no consumo de carvão é o fato mais preocupante, visto que seu uso como fonte de energia caíra 12 por cento em 2009. Parece que os Estados Unidos não conseguem dar um passo à frente sem andar três passos para trás.

Este vínculo entre o aumento das emissões e do PIB mostra os problemas dos EUA no setor energético. Os EUA são muito dependentes do carvão e de outras fontes de energia suja. Deve-se estimular a economia através do investimento em infraestrutura verde e energia renovável. Isso não só ajudaria a reduzir as emissões de carbono, como criaria empregos verdes, colocando os EUA no caminho para um futuro energético mais estável e sustentável.

http://inhabitat.com/us-emissions-rose-4-in-2010-partly-due-to-increased-coal-use/

Anúncios

Sobre Marcos O. Costa

Arquiteto Urbanista formado pela FAU Mackenzie com mestrado em estruturas ambientais urbanas pela FAUUSP. Associado à Borelli & Merigo, onde desenvolve projetos nas áreas de edificações e urbanismo. É professor da FAAP e da Escola São Paulo. A publicidade exposta neste Blog é de responsabilidade da Wordpress
Esse post foi publicado em Espaço Sustentável e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s