São Paulo terá rota para bicicletas

Ciclovivo

Em entrevista à Rádio CBN nesta segunda-feira (11), o secretário municipal dos Transportes de São Paulo, Marcelo Cardinale Branco, confirmou que será implantado até o final de julho um sistema de rota para bicicletas na cidade.

Segundo ele, através de indicações preferenciais, o ciclista vai saber onde será o local mais seguro para ele trafegar. Carros, motos e bicicletas utilizarão o mesmo espaço, porém, o motorista será orientado para ter mais cuidado com o ciclista. “Vamos fazer numa sequência de onde já tem a ciclofaixa. É uma rota cicloviária, onde as pessoas vão ter uma indicação de que naquela via anda bicicleta e carro, isso vale 24 horas por dia e não só no fim de semana”, disse. Ele afirmou que essa rota terá 15 km inicialmente.

Segundo o secretário, a prefeitura pretende fazer até 100 km de ciclofaixas, ciclovias e rotas compartilhadas ate o final de 2012. “É uma faixa protegida, que permite que as pessoas enxerguem de forma diferente o ciclista. É uma questão de comportamento e cultura achar que o ciclista está atrapalhando o trânsito. É uma visão antiga e inadequada. Temos que mudar essa cultura”, afirmou ele.

A rota deve ser ampliada para diversos pontos de São Paulo. “Vai mais ou menos do Parque dos Cordeiros na Vicente Rao, ligando a Severo Gomes, que é no Alto da Boa Vista, com o final da Berrini. Depois vamos fazer outras propostas em outros locais da cidade”, afirmou. “Queremos também que as pessoas deem sugestões. É um exercício da sociedade.”

Durante a entrevista Branco afirma que a bicicleta pode, sim, ser usada como meio de transporte. “Essa é uma preparação que se dará gradativamente. Na minha avaliação, o preparo para uma cidade inclui o compartilhamento como sendo a principal virtude para a utilização da bicicleta”. De acordo com ele, a cidade só estará preparada para receber os ciclistas quando houver respeito entre carros, motocicletas e pedestres. “Mais importante do que atingir metas em quilômetros é atingir em pessoas utilizando e com segurança”, completou.

A opinião dos moradores onde a rota está sendo implantada foi favorável. “Eu já utilizava a CicloFaixa aos domingos, porém achava perigoso chegar até elas de bicicleta, agora ficou muito mais fácil e seguro” diz Bruno Rodrigues, morador da região. “Acharia melhor se as rotas fossem específicas para ciclistas. Muitos locais onde a rota já está sendo implantada não possuem semáforos e os cruzamentos são muito perigosos, pois os automóveis andam em alta velocidade”, complementa.

http://ciclovivo.com.br/noticia.php/2904

Anúncios

Sobre Marcos O. Costa

Arquiteto Urbanista formado pela FAU Mackenzie com mestrado em estruturas ambientais urbanas pela FAUUSP. Associado à Borelli & Merigo, onde desenvolve projetos nas áreas de edificações e urbanismo. É professor da FAAP e da Escola São Paulo. A publicidade exposta neste Blog é de responsabilidade da Wordpress
Esse post foi publicado em Espaço Sustentável e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s